Sem pauta

Hoje a folha está em branco, ao tentar escrever, vi os rastros da folha anterior que marcava: o que vai ser de nós..?

Após o noticiário, tomei nota


Os eus não viam

Os tus não agem

Ele(s) não sabe(m)

Nós fingimos ver

Vós cansais, sem muito a fazer

E eles continuam a esconder

Resta pensar

É uma questão de tempo.

Paz e bem, na medida do possível.

Imagem: linhas terapêuticas de hoje, sem muito sentido.